Em sua 2º edição o Festival Aves de Ilhabela consolida-se como um evento estruturante no segmento de observação de aves. Com dezenas de atividades entre oficinas, cursos, palestras, passarinhadas, exposição fotográfica, atividades infantis e uma série de lives com participantes nacionais e internacionais.

O evento tem como sede principal a Faz. Engenho D’Agua em Ilhabela, onde acontece a parte presencial dentro dos protocolos de segurança sanitária. Também estão programadas passarinhadas em pequenos grupos pelas trilhas de Ilhabela e visita a Alcatrazes. 

Completa a programação uma série de atividades virtuais, com lives, oficinas, mini-cursos atividades artístico-culturais. A programação será transmitida ao vivo e permanecerá disponível livremente no canal AvistarConecta.

A Exposição fotográfica será instalada na praia do Engenho D'Agua e reúne treze fotógrafos locais e mais de 30 espécies da rica  avifauna de Ilhabela e fica instalada entre 19 e  25 de Outubro

como participar

Como participar!

O Festival acontece de forma híbrida, presencial e online. 

As atividades presenciais estão sediadas na Fazenda Engenho D'Agua - situada na praia Engenho D'Agua  - veja aqui o mapa 

As atividades online serão transmitidas pelo canal AvistarConecta no Youtube e os links de transmissão ao vivo estarão disponíveis aqui no linktree do festival

As passarinhadas ocorrem em diferentes trilhas da ilha, consulte aqui a relação de pontos de encontro para todas as saídas. 

convidados

Victoria Benemann

Aves pelágicas - Biologia e Conservação

Mestre em Ciências Biológicas pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2017) e atualmente doutoranda em Biologia (PROSUC/Capes) desenvolve pesquisas relacionadas à ecologia e biologia de aves marinhas e costeiras na Antártica, Ilhas Oceânicas Brasileiras e no litoral do Rio Grande do Sul, com ênfase na ecologia de atobás (Sula spp.) em ilhas brasileiras.

Júlia Finger

Aves pelágicas - Biologia e Conservação

É doutoranda em Biologia na área de concentração de Diversidade e Manejo de Vida Silvestre. É mestre (2019) e bacharel em Biologia (2016) pela mesma instituição. É vinculada ao Laboratório de Ornitologia e Animais Marinhos da Unisinos desde 2012. Possui experiência na área de Ornitologia com ênfase na Ecologia e Biologia de Aves Marinhas e Costeiras: ecologia de aves antárticas, ecologia de aves limícolas do RS, ecologia espacial e trófica, tendências populacionais e impactos antrópicos sobre populações de aves.

Horacio matarasso

Birdwatching - Uma visão global

Horacio Matarassoes un biólogo argentino, dedicado a la especialidad de la observación de aves. É diretor e criado da South America BirdFair Se desempeña como director de Buenos Días Birding y realiza viajes para el estudio de las aves en Argentina, Chile, Perú, Brasil y otros países del continente. Fue coordinador de Socios de la asociación Aves Argentinas / Birdlife International, y actualmente es C.E.O. de Buenos Días Birding .

Carles Santana

Birdwatching - Uma visão global

Carles Santana é biólogo especializado em gestão de ambientes naturais e cofundador da PHOTO LOGISTICS.  Tem trabalhado na gestão de espaços naturais protegidos e na compatibilidade das atividades humanas com a preservação do meio ambiente.  Atualmente e desde 2009 trabalha na PHOTO LOGISTICS concebida como uma ferramenta de valorização da fauna pelas comunidades locais.

Andrew Sebastian

Birdwatching - Uma visão global

ANDREW SEBASTIAN é um naturalista talentoso, ambientalista e um guia de aves e natureza profissional certificado há 17 anos.  Andrew lidera ativamente passeios na região, incluindo Sulawesi, Sumatra e Papua.  Graduado em direito, Andrew dedicou mais de duas décadas às questões ambientais e de ecoturismo por meio de seu trabalho com várias ONGs.  Ele credita sua paixão pela natureza à sua infância, crescendo na densa floresta do Forest Research Institute of Malaysia (FRIM).  Andrew serviu e iniciou inúmeras campanhas de conservação e conscientização que incluíram a proteção do Parque Estadual Royal Belum em 2006. Ele também foi cofundador da Asian Bird Fair Network, que cresceu e se tornou um dos maiores eventos de observação de pássaros no  mundo.  Ele também co-fundou o Wild Bird Club da Malásia (WBCM) e o Tangkoko Bird Club.  Ele é considerado um grande influenciador na área de conversação e atualmente é o embaixador da marca Leica.  Andrew é o fundador e CEO da Ecotourism & Conservation Society Malaysia (ECOMY) e é um especialista no assunto do Tourism Malaysia há mais de 10 anos.

Herbert Byaruhanga

Birdwatching - Uma visão global

Herbert Byaruhanga é diretor administrativo da Bird Uganda Safaris, LTD e um dos guias turísticos mais ilustres de Uganda. Sua empresa oferece uma variedade de passeios de observação de pássaros e vida selvagem nas regiões mais naturalmente resplandecentes de Uganda e Ruanda.
Herbert é carinhosamente conhecido como “Papa” ou pai do turismo em Uganda. Ele tem se dedicado a desenvolver a capacidade de turismo profissional em seu país de origem e é o principal instrutor de guias turísticos em Uganda e Ruanda. Ele é o fundador da Associação de Guias de Safári de Uganda, Clube de Guias de Pássaros de Uganda, Clube de Guias Culturais de Uganda e lidera o comitê organizador das Associações de Guias de Turismo da África Oriental.

Edinho

Aves e cultura tradicional

Edson dos Santos, 59 anos, nativo de Ilhabela.Desde os 10 anos andava pela mata com seu pai e seu avô observando os pássaros que ali viviam. Além da paixão em observar os pássaros, também nutri uma paixão pelas belas borboletas que pousam diariamente em seu jardim e 74 espécies de pássaros que ali o visitam ... a maioria no inverno. O jardim possui muitas árvores frutíferas, dois comedouros e três piscinas para banho e saciar a sede dos alados.

Fabrício Yanes

Formado em Marketing pela Universidade Metropolitana de Santos(Unimes) e graduado em Turismo pela APC em Sydney naAustrália - guia de observação de aves e natureza  monitor ambiental do Parque Estadual e membro atuante do Coa Ilhabela  Aprendeu com seu Avô nascido em Ilhabela a observar Aves e toda biodiversidade da natureza. Um dos pioneiros, ao lado de Marcelo Dutra, no desenvolvimento e fomento da atividade de observação de aves no arquipélago e região.

Miguel Nema

Miguel Nema Neto, Engenheiro Ambiental, gestor do Núcleo Caraguatatuba do Parque Estadual Serra do Mar (Fundação Florestal do Estado de São Paulo)

Fernando Moraes

Fernando Moraes 30 anos caiçara nasceu em Ilhabela, monitor ambiental em Ilhabela, guia de turismo de aventura e guia de observação de aves. Um dos fundadores do COA Ilhabela junto com Sidinei Barbosa Lima e Vilma de Oliveira. Fotógrafo amador de natureza, influenciado por um observador mergulhou de cabeça na prática da observação, apaixonado pela mata atlântica e sua biodiversidade encontrou nas aves mais uma paixão, se dedica a observação e tem contribuído com muitos registros pra cidade, membro da Associação de Guias e Monitores de Ilhabela.

Sidney Barbosa Lima

Caiçara e mateiro, Sidney é um experiente guia de observação de aves. Também conduz visitantes em passeios ecoturísticos e de contemplação de natureza. Com seus filhos Matheus e Pedro Souza, documentaram com a fotografia os primeiros registros de várias espécies de aves e outros animais para o arquipélago. Como monitor cadastrado pelo PEIb guia voluntariamente iniciantes da observações de aves para que conheçam e surpreendam-se com Ilhabela.

Claudio Vidal

Aves pelágicas - Operação e turismo

Autor/Ornitólogo/Fotógrafo en la Patagonia Chilena. Socio Fundador de Far South Expeditions (@FarSouthExp). Mis pasiones son las Aves, la Música Clásica y el Buen Vino! Albatros Errante de la Hermandad de la Costa. Orza!

Cláudio Rodriguez

Aves pelágicas - Operação e turismo

Apasionado por los secretos de la naturaleza y la fotografía desde pequeño. Casi finalizando la Licenciatura en Biología es contratado como "Observador Pesquero" por el Instituto de Investigación y Desarrollo Pesquero (INIDEP). Más tarde, designado Inspector de la Commission for the Conservation of Antarctic Marine Living Resources, (Unesco-Instituto Antártico), se reencontraba con la fotografía de aves con un broche de lujo, cuando contratado por el Instituto Antártico tuvo oportunidad de fotografiar al imponente Albatros Errante.
Luego de una larga pausa con la fotografía y la observación de aves, comienza a recorrer el país con sus tres hijos aún pequeños. Finalmente junto con ellos decide cristalizar un emprendimiento que ofrece salidas de observación de aves y fotografía a lugares claves de Argentina y promueve salidas pelágicas aprovechando las facilidades de su ciudad natal enclavada en las costas bonaerenses del Mar Atlántico

Fabio Barata

Aves pelágicas - Operação e turismo

Fábio é empreendedor de turismo de observação e proprietário da Mochileiros - Pousada e operadora de turims ode observação em Perúibe -SP. Desenvolve também o turismo de aves pelágicas na costa sul de São Paulo

Cecília Licarião

Aves e Redes Sociais

Cecilia Licarião - Bióloga e mestre em Ecologia pela Universidade Federal do Ceará. Coordenadora de Projeto do Aves de Noronha e do Vem Passarinhar CE. Divulgadora científica. Acredita que através das mídias sociais é possível aproximar o público leigo da realidade da conservação brasileira, para isso usa o seu perfil no instagram @licariao e do perfil do projeto @avesdenoronha

Ana Julia Cano

Aves e Redes Sociais

Formada em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e especialista em Marketing e inteligência de negócios digitais pela FGV-SP, Ana Júlia Cano passou pelas diversas frentes do marketing digital ao longo dos últimos 5 anos: estratégia e produção de conteúdo para redes sociais, planejamento de ações com influenciadores, criação de campanhas publicitárias, campanhas de search e desenho de sites mobile com estratégia de SEO. Recentemente, deixou o mundo das agências de marketing para se dedicar à comunicação da SAVE Brasil e a outros projetos de conservação . Nascida e criada numa chácara em Campinas, Ana reside em São Paulo desde 2014 e passarinha desde 2018.

Birgitte Tümmler

Ilustração de aves - infantil

Artista visual conservacionista de origem dinamarquesa e radicada no Brasil, cuja técnica favorita é a esferográfica. Efetuou palestras sobre Arte e Conservação da Natureza para UNU, UFPR, UTFPR e em exposições artísticas no Paraná e em Minas. Com participação em algumas exposições no exterior ganhou o segundo lugar em desenho da natureza no FIIN - Festival Internacional de Imagem da Natureza em Portugal.

Cristiane Gardim

Ilustração de aves - infantil

 Ilustradora Científica, Botânica e Naturalista e Artista-educadora. licenciada em Artes Visuais pelas Faculdades Metropolitanas Unidas - FMU (2017). Desde 2016 desenvolve parcerias com mais de 15 projetos ligados à conservação e reabilitação de animais, tais como Instituto Espaço Silvestre, Projeto da Ararinha-azul, SAVE Brasil (Jacutinga, Rolinha-do-planalto, Aves-limícolas), Onçafari, Projeto Tamanduá, entre outros. Desenvolve sua pesquisa artística acerca da linguagem da ilustração científica e suas diversas vertentes. Como educadora desenvolve e aplica oficinas artísticas e elabora materiaisdidáticos para os projetos citados.

Taluane Torres

Didática de Observação de aves para Professores

Formada em Pedagogia e doutora em educação pela UNESP. Atualmente é professora da rede municipal de Ilhabela e pós-doutoranda em educação pela USP. Organizadora do livro “Pequeno Guia de aves de Ilhabela”, escrito e ilustrado pelos alunos e alunas da Escola Municipal Prof. José Benedito de Moraes.  

Mariana Inglez

Aves e cultura tradicional

Mariana Inglez é bióloga, mestra em ciências biológicas (com ênfase em genética e biologia evolutiva) e atualmente doutoranda pelo Laboratório de Arqueologia e Antropologia Ambiental e Evolutiva (IB-USP). Especialista em bioantropologia e biologia humana, atuou em contextos arqueológicos e forenses e hoje se dedica a compreender o processo de transição de dieta em comunidades tradicionais da Amazônia a partir de uma abordagem biocultural. Atentar para os aspectos biológicos e socioculturais que impactam a saúde e qualidade de vida humana fazem parte de seus interesses de estudo.Pratica birdwatching por lazer.

Edu Franco

Fundamentos da Guiagem

Biólogo, guia de turismo, especialista em comportamento animal e MBA em administração de projetos ambientais. Desde a 2005 trabalha com fauna e em 2010 começou a fazer seus primeiros roteiros de observação e fotografia de vida silvestre. Em 2015 criou a agência de turismo receptivo Minas Nature Turismo e Fotografia de Natureza e desde então recebe e conduz turistas de todo o mundo. Edu também atuou como Diretor da ECOAVIS e coordena atividades e eventos relacionados a divulgação e formação, como os projetos #vempassarinharMG, Avistar Conecta e Avistar Minas.  Edu é apaixonado pelas serras e tem o Espinhaço como sua segunda casa.

Ricardo Martins

Fotografia de aves e natureza

É um dos principais nomes da fotografia de natureza e cultura do Brasil, autor e editor de 9 livros, no ano de 2012 recebeu o prêmio Jabuti na categoria de melhor fotografia, pela obra “A Riqueza de Um Vale”.

Já realizou diversas exposições fotográficas, entre elas “Meu Brasil, Meu Olhar”  que aconteceu na capital Teerã no Irã, após ser convidado pelo Itamaraty para levar as belezas e a cultura brasileira através de sua fotografia para o Oriente Médio.

Sócio fundador da RM produções, por onde faz as edições de seus livros e suas produções audiovisuais para a TV, mostrando os bastidores de suas viagens.

Edson Moroni

Birdwatching e Marketing digital

 Sul-Mato-Grossense, formado em Ciências Biológicas pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), desde 2015 trabalha com turismo de observação de aves no Pantanal - Brasil e este ano na Colômbia, com especialização em estratégias de marketing digital e comercialização do turismo de observação de aves e ecoturismo. Com experiência privado no desenvolvimento e posicionamento turístico de destinos de fauna silvestre com ênfase em observação de aves.

Raphael Kurz

Birdwatching e Marketing digital

Guia de observação de aves, mora no Rio Grande do Sul e é criador e coordenador do Projeto Aves do Sul, um projeto criado em 2015 com intuito de divulgar e falar sobre a avifauna regional para os moradores de Pelotas, sua cidade. Além disso, ministra workshops de introdução a observação de aves na região e é um grande incentivador da atividade no RS. Já fez cursos de marketing digital e utiliza as redes sociais para divulgar seu trabalho. Atualmente é guia de observação de aves no extremo sul do Brasil e recebe diversos observadores de fora da região, ajudando a movimentar a economia local

Irmãos Mello

Equipamento de um guia de Observação

Os irmãos Daniel e Gabriel Mello realizam atividades ligadas à fotografia de natureza e observação de aves desde 2007, quando iniciaram suas observações na região da Serra dos Órgãos/RJ. Em 2015 publicaram seu primeiro livro, o guia de campo "Aves da Serra dos Órgãos e adjacências". Após a repercussão bastante positiva da obra no Brasil e no exterior, inciaram a produção de um segundo e mais abrangente trabalho, o livro "Aves do Sudeste do Brasil - Guia de Identificação", finalizado e publicado em 2020.

Jovani Monteiro

Biólogo, formado pela Universidade Federal Fluminense. Trabalha com restauração florestal e levantamentos florístico e fitossociológico. Além disso, trabalha com levantamentos de fauna, com ênfase na avifauna. É Diretor Presidente da ONG Instituto Serra do Tangará e gestor da Reserva Ecológica Serra do Tangará, em Piraí-RJ, onde desenvolve pesquisas sobre redes de interação entre aves frugívoras e plantas no bioma Mata Atlântica.

Luccas Longo

Ilustrador, biólogo, especialista e mestre em Conservação da natureza, pai e observador de aves. Atua com gestão de unidades de conservação, educação e comunicação ambiental, seja através de atividades ou ilustrações que realiza. 

Luciano Lima

Aos treze anos começou a passarinhar e logo decidiu que “quando crescesse” queria ser ornitólogo, viver de passarinho. Biólogo e Mestre em Zoologia, acumula experiência em projetos de pesquisa e trabalhos técnicos relacionados com as aves emtodos os domínios naturais do Brasil, tendo também publicado diversos artigos e livrossobre o tema. Atualmente é coordenador técnico de três observatórios de aves localizados em diferentes regiões da Mata Atlântica, além de consultor e produtor deconteúdo do Programa Terra da Gente, da EPTV, afiliada à Rede Globo. Acredita quepassarinhar pode mudar o mundo.

Patrick Pina

Ilhabela: ameaçados e endêmicos

Biólogo, Bacharel em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2007) é Ornitólogo especializado em Manejo e Conservação de Fauna Silvestre pela Universidade de Santo Amaro/SP (2013). Trabalhou em diversos projetos de pesquisa e monitoramento de aves em todos os biomas brasileiros e em ambientes específicos na América Latina. Sua principal área de interesse é a História Natural de aves neotropicais.

Vilma Oliveira

Monitora Ambiental, Condutora de visitantes - Observação de Aves, Consultora e Coordenadora de projetos
Monitora ambiental desde 2010, atuando especialmente na atividade de observação de aves, devidamente cadastrada junto a unidade de conservação - Parque Estadual de Ilhabela - PEIb e Secretaria de turismo - Sectur. Ao longo dos últimos anos contribuiu e contribui com destaque na Educação ambiental por meio de atividades socioambientais e educacionais junto as escolas que integram a rede de ensino do Municipio, Coordenadora de orientadores e Condutora de visitantes em Ilhabela.

Aline Alegria

Aline é bióloga e cuida do Ninho da Cambacica Birdwatching, projeto que surgiu do sonho de dois biólogos de viver em um lugar onde pudessem presenciar constantemente os eventos naturais de um ambiente preservado. Longe da intensa interferência humana, a natureza ocorre de forma espontânea e inspiradora, resiste e floresce, abriga e alimenta. 

Kelen Luciana Leite

Bióloga, possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo(2005) e mestrado-profissionalizante em Ecologia Aplicada - Biodiversidade em Un. Conserva pelo Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro(2014). Trabalha a 13 anos com planejamento e gestão de unidades de conservação no Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - ICMBio. Entusiasta do manejo adaptativo busca inovação e novas ferramentas para a conservação das áreas marinhas protegidas, de maneira integrada com o contexto e demandas locais para esses espaços especialmente protegidos.

Trabalha desde 2010 em alcatrazes, participou da elaboração da proposta de criação do Parque Nacional Marinho que culminou com a criação do Refúgio de Alcatrazes, elaboração de plano de manejo, do plano de uso público e da implementação da visitação pública na unidade em 2018. A visitação desde então tem sido monitorada e ajustada para melhorias nas atividades e implementação de novas atividades.

Tati Pongiluppi

Bióloga, mestra em Biodiversidade em Unidades de Conservação e guia de observação de aves da Brazil Birding Experts pelo Sudeste e Nordeste do Brasil. Trabalhou na SAVE Brasil onde desenvolveu ecoordenou projetos na área de biologia da conservação. 

Jô Bernards

Jô é empreendedora de turismo de observação de aves, proprietária de Sítio do Espinehrio Negro, umas das pousadas pioneiras no birdwatching no Brasil

Marco Silva

Fotografia de Aves para Iniciantes

Paulistano, 41 anos, Observador de Aves há 10, colabora com projetos de pesquisas ornitológicas e de conservação, birding guide freelance e fotógrafo de passarinho. 

Beatriz Fernandes,

Beatriz Fernandes, 19 anos, de família caiçara e nascida e criada em Ilhabela, estudante das medicinas naturais, sustentabilidade e consumo consciente. Apaixonada pelas belezas do arquipélago, fotógrafa, preserva e guia pessoas pelos locais que mais gosta com o intuito de  honrar a cultura caiçara e levar conscientização para todos que sentem de conhecer a Ilha, disseminando a importância de preservar a diversidade ambiental. Esse ano, participou como monitora do projeto de proteção dos Trinta-Réis-De-Bico-Vermelho, espécie de aves marinhas migratórias que fazem colônia no Ilhote da Praia do Julião, local onde mora atualmente

Camila Lopes Seixas

Turismóloga e mestre em Sustentabilidade pela Universidade Federal de São Carlos, consultora do programa Investe Turismo SEBRAE, Litoral Norte-SP. Pesquisadora do Plano de Marketing Turístico de Ilhabela. Experiências em produtos turísticos, oficinas e formatação de roteiros; Lecionou no curso de Guia de Turismo da ETEC, São Sebastião/Ilhabela.

Patrícia Nogueira e Flávio Bueno

Patrícia Nogueira

Atriz - Contadora de histórias desde 2000.- Trabalhos em eventos: atuação, produção, coordenação, treinamento;
Atuação em Espetáculos: infantil e adulto;
Criação e Contação de histórias infantis;
Atuação em Espetáculos Circenses;
Arte Educadora nas linguagens: Teatro e Circo.

 

Flávio Bueno

Ator, cantor e compositor desde 1992.
Trabalhos em eventos: atuação, produção, coordenação, treinamento;
Atuação em espetáculos: infantil e adulto;
Participação em comerciais para TV;
Experiência em vitrine viva e mímica;
Composição de trilha sonora para espetáculos teatrais e eventos (letra e música);

Fabiola Campos

Me dedico a arte naturalista ilustrando avifauna, mas tenho uma característica de não ficar estagnada em um só estilo, e isso me da liberdade artística. Artista autodidata,
Iniciando nas Artes Plásticas aos 14 anos, através do estilo impressionista renovando-se para um estilo moderno e figurativo. Sendo grande apreciadora da natureza ilustra e mostra toda sua versatilidade característica marcante em sua arte.
Tem obras em coleções particulares em vários países.
No período de 2007 a 2010 participou de um projeto itinerante de exposições com quatro artistas brasileiros na Holanda.

Fabiana Supino - Sebrae

Analista de Negócios do Sebrae-SP, Gestora Educação Empreendedora do Vale do Paraíba, Facilitadora de cursos, oficinas e palestras sobre empreendedorismo e gestão de negócios para empresários e instituições de ensino. 

MBA em Bens culturais, Pós Graduada em Gestão de Iniciativas Sociais e Planejamento e Marketing Turístico, Graduada em Comunicação Social.

Gabriela Carvalho

Palestra em: 23/10
horário: 15h-16h

Gabriela Carvalho
Monitora Ambiental Coord.do Programa de Uso Público do PQ Estadual de Ilhabela.

Turismóloga, Pós graduada em Gestão Ambiental, Guia de Turismo, Monitora Ambiental e Coordenadora de Uso Público do Parque Estadual de Ilhabela. Apaixonada por Unidades de Conservação, acredita que o ecoturismo pode ser um grande aliado destas áreas. A observação de aves foi novidade na sua vida, há 4 anos quando se mudou para Ilhabela para trabalhar no Parque e conheceu grandes observadores de aves locais, com quem pode aprender a admirar esta atividade.

Marcos Cará

Administrador de Empresas e Turismólogo, gerencia com sua esposa a MAREMAR TUR, o maior receptivo de turismo em Ilhabela e e a maior frota de passageiros do Litoral Norte, no mercado há 30 anos. Como amante do Ecoturismo, orgulha-se em operar um turismo responsável, focado na satisfação gerada pela experiência e pela vivência dos clientes. Como ex-piloto de aeromodelismo e hoje droneiro, diverte-se criando um acervo imagens aéreas do Arquipélago.

Matheus Souza

Jovem Observador, iniciou na atividade aos 8 anos de idade. Hoje com 11 anos é um fotógrafo de natureza e observador de aves cadastrado pelo PEIb, já tendo registrado 8 novas espécies para o município. Com ajuda do seu pai, o guia Sidney Lima e outros amigos, já fotografou mais de 70% das aves de Ilhabela. Muito generoso, doa suas imagens ações de educação ambiental.

Pedro Souza

Aos 7 anos, Pedrinho é o observador de aves mais jovem de Ihabela. Sempre insistiu para acompanhar o irmão mais velho, Matheus Souza e o pai, o guia Sidney Lima nas passarinhadas. Esse ano ganhou uma máquina fotográfica de uma amiga incentivadora e agora não perde uma chance de fotografar aves. Seu sonho é registrar uma ave ainda não vista em Ilhabela.

Davi Mota

Davi tem 9 anos, mas desde os 4 é apaixonado por natureza, especialmente por animais. Sempre gostou de fotografia, mas esse ano ganhou uma câmera bacana do pai e está cada vez mais motivado! É o jovem observador que direciona os passeios com a família, os levando para trilhas em matas para fotografar passarinhos. Muito curioso, pesquisa tudo que pode na internet e, embora seja um menino da cidade, já conhecimento sobre as aves. 

Lucas Ramiro

Caiçara e acadêmico em Ciências Biológicas, já atuou em áreas desde reabilitação de vida silvestre até taxidermia artística e científica. Idealizador da Pulsatrips expedições, onde atua como guia naturalista na Mata Atlântica do Sudeste com ênfase em Ubatuba e região Caraguatatuba

Gustavo Monteiro

Secretário Executivo - Circuito Litoral Norte de São Paulo - tem mais de 20 anos de atuação e vivência no turismo, atuando na promoção e comercialização de produtos e destinos em grandes operadoras. Com formação e especialização na área de Marketing, hoje é Secretário Executivo do Consórcio Intermunicipal Circuito Litoral Norte de São Paulo, entidade que integra ações de desenvolvimento e promoção da Região Turística do Litoral Norte de São Paulo.

Aluízio Durço Bernardino

Aluízio Durço Bernardino, Chefe de Ecoturismo na Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura de Bertioga, possui Mestrado em Turismo e Meio Ambiente e é fotógrafo amador.

Aurélio Rufo

Coordenador de Ecoturismo de ILHABELA

apoio

curadoria  - produção